solução lulista para o apagão da aviação…

saiu hoje no G1 (da globo):

“Segundo o ex-presidente da Associação de Controladores, Ulisses Fontenele, metade dos 190 controladores aéreos de Brasília está retida no local para trabalhar em sistema de plantão até o próximo domingo (5).

Segundo ele, 80 controladores ficarão “presos” no trabalho neste final de semana por ordem do Comando da Aeronáutica. Fontenele afirmou que os controladores têm de permanecer no local, por estarem sujeitos às regras militares.”

o resto da notícia aqui.

acho engraçado que essa é uma das poucas vezes em que a “elite” desta republiqueta experimenta a ineficiência do governo… enquanto pra eles faltam controladores de vôo suficiente pro resto da população falta leitos nos hospitais, faltam médicos, faltam policiais, faltam advogados, faltam professores, faltam salários e etc.

quando ‘o povo’ invade o congresso é uma ação criminosa… quando tem quebra-quebra nos aeroportos é só tumulto…

2 Responses to “solução lulista para o apagão da aviação…”


  1. 1 Lia Winter novembro 6, 2006 às 8:46 am

    Não tinha pensando nisso. Vc tem razão! esse país não tem mais jeito!

    um abraço

  2. 2 Claudia Vivianne abril 1, 2007 às 10:26 am

    Prezado Editor:
    Release do Livro: Choque de Gestão – Do Vôo 1907 ao “Apagão” Aéreo no Brasil.
    Autor: Prof. Joaquim Gonçalves de Farias Neto .

    Uma oportunidade para acabar, em definitivo, com a crise do Apagão Aéreo no Brasil.
    O livro que foi publicado pela Editora Ciencia Moderna é bem polemico. Aborda a famosa crise do apagão aéreo no Brasil. Vale conhecer! É muito interessante. O Livro sugere uma desmilitarização do setor, via INFRAERO, baseado na melhoria educacional, utilizando os cursos universitários para sustentar o pedido da classe por melhores salários.
    Com linguagem direta e clara o autor apresenta em 357 paginas um diagnostico do passado e de como estamos hoje na aviação brasileira. O autor é comandante, e tem mais de 30 anos no Sistema .
    O objetivo do livro não é uma critica velada do passado e muito menos do momento atual. O autor sugere saídas técnicas focadas no choque de gestão profissional para o sistema brasileiro de aviação civil como um todo.
    Na pesquisa o autor apresenta e analisa os pontos principais das crises: Transbrasil, Vasp, Varig, acidentes no Brasil (Gol 1907), problemas DAC, inicio da ANAC, controladores de vôo e o contingenciamento de verbas do Departamento de Controle do Espaço Aéreo pelo Comando da Aeronáutica, ingredientes picantes para o quadro caótico do Sistema Brasileiro de Aviação Civil. Em resumo, foram varias crises somadas que levaram o País ao famoso “apagão aéreo”.
    Este livro é uma oportunidade para que os usuários da aviação brasileira conheçam melhor as curiosidades da aviação, acidentes históricos e casos intrigantes do DAC na formação da Agencia reguladora ANAC.

    “A Varig parou, recolheu as asas. Milhares de aeronautas – técnicos comissários e pilotos – perderam o emprego. O desastre aéreo do avião do Gol levou os controladores de vôo a denunciar as suas más condições de trabalho. Com tudo isso, as tarifas das passagens dispararam aeroportos brasileiros superlotados, aviões parados, pessoas dormindo no saguão dos aeroportos. Crianças correndo, mulheres e idosos desesperados. Malas espalhadas, quebra-quebra, gente brigando, gente chorando. Passageiros desorientados sem saber para quem reclamar. O caos foi instalado e o tráfego aéreo parou o país.”

    Sumario do Livro:
    Capítulo 1 – Gol 1907 …………………………………………………………………1
    Capítulo 2 – Os Bastidores do “Apagão Aéreo” ……………………………..23
    Capítulo 3 – Acidentes no Brasil …………………………………………………..49
    Capítulo 4 – Aspectos da Navegação no Brasil ………………………………89
    Capítulo 5 – Crises das Companhias Aéreas ………………………………..117
    Capítulo 6 – A História Tortuosa do Caminho do DAC até a ANAC…..143
    Capítulo 7 – Choque de Gestão …………………………………………………..211
    Capítulo 8 – Conclusão ………………………………………………………………245
    Anexo ……………………………………………………………………………………….263
    Glossário ………………………………………………………………………………….329
    Bibliografia ………………………………………………………………………………..339

    Outras informações importantes: O autor foi indicado pelo Congresso Nacional em 2005 para função de Diretor da ANAC.
    Ofícios : Do Vice Presidente e Ministro da Defesa e por mais de 16 Senadores da República e 04 Deputados Federais. Participante ativo de mais de 30 anos na aviação brasileira na função de: Piloto Militar (18 anos – FAB / DAC com 17 elogios e medalhas) e Piloto Civil (10 anos – VASP), Empresário de Turismo e Cargas, Professor Universitário e Diretor / Consultor de Tecnologia da Informação e Economia. O autor do livro não poderia ficar calado, em face de tamanha responsabilidade depositada por aquelas autoridades.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: